Não era homem muito misseiro...

Damião De Góis

Escritor, humanista:
1502 - 1574



Quando tudo aconteceu...

1502: Nasce Damião de Góis, em Alenquer. - 1511: Entra para o Paço da Ribeira como pajem do rei D. Manuel. - 1523: É mandado para a Flandres como escrivão da Feitoria; visita Friburgo para conhecer Erasmo - 1529: Parte em missão de D. João III para Dantzig, Vilna, Posen e Cracóvia: - 1531: De novo em missão real vai à Dinamarca; passa por Witemberg onde conhece Lutero e Melanchton; regressa a Antuérpia e fixa-se depois em Lovaina. - 1532: Publica em latim Legation Magni Indoru. - 1533: É chamado a Lisboa, convidado para tesoureiro da Casa da India, recusa o cargo e vai em peregrinação a Santiago de Compostela. - 1534: Viaja a Estrasburgo e depois a Friburgo onde é hóspede de Erasmo durante quatro meses; inscreve-se como estudante na Universidade de Pádua. - 1538: Publica em Veneza o Livro de Marco Tulio Cícero, em latim. - 1539: Casa em Lovaina com Joana van Hargen; matricula-se na Universidade de Lovaina; publica os Comentari Rerum Gestarum in India. - 1540: Publica Fides, Religio Moresque Aethiopum - 1541: Sai em Lovaina Hispaniae Urbis Ubertia et Potentia. - 1542: Lovaina é atacada pelos franceses; Damião de Góis é um dos que mais se distingue na defesa da cidade; é feito prisioneiro e libertado após intervenção de D. João III. - 1544: Publica Aliquot Opuscula. - 1545: Regressa a Portugal. - 1546: Sai em Lisboa, Urbis Lovaniensis Obsidio. - 1548: É nomeado guarda-mor da torre <a href="http://www.replicaorologio.it/categorie/patek-philippe">patek philippe replica</a> do Tombo. - 1554: Publica, em Évora, Urbis Olisiponensis Descriptio - 1559: O regente cardeal D. Henrique encarrega-o de escrever a Crónica de D. Manuel. - 1566: Saem, em português, a 1ª e a 2ª Partes da Crónica de D. Manuel. - 1567: Saem as 3ª e 4ª Partes da Crónica de D. Manuel e a Crónica do Príncipe D. João. - 1571: É preso pela Inquisição. - 1572: Em Outubro é condenado a prisão perpétua no mosteiro da Batalha. - 1574: Morre em sua casa de Alenquer, segundo parece, assassinado.

Ler mais...